Portugal defronta amanhã a Suécia em Celorico da Beira no último jogo do Torneio de Desenvolvimento da UEFA

Portugal fecha amanhã em Celorico da Beira a participação no Torneio de Desenvolvimento da UEFA sub-16 frente à Suécia. O jogo, que terá entrada gratuita, disputa-se pelas 10h15 e o médio do Benfica Martin Neto acredita que a selecção nacional pode fechar esta edição da competição a ganhar, depois de uma derrota frente à Bélgica e uma vitória perante o Paraguai. “O primeiro jogo não nos correu muito bem, mas a vitória frente ao Paraguai serviu para aumentar os índices de confiança da equipa. Vamos encarar a Suécia, certamente, com outro estado de espírito”, explica o jovem futebolista que deverá ser um dos elementos a alinhar amanhã no relvado celoricense.

“Estamos preparados para vencer até porque sentimos que temos evoluído e aprendido com os erros cometidos. O último jogo já foi mais demonstrativo do que somos capazes de fazer. Dominámos o jogo, dispusemos de várias oportunidades de golo, embora na primeira parte tenha faltado alguma eficácia. Na segunda parte, já com as substituições feitas, conseguimos imprimir mais intensidade na partida e marcámos por duas vezes. Penso que, de uma forma geral, o que mudou mais foi a atitude. Neste jogo com o Paraguai entrámos mais determinados em tomar conta da iniciativa do jogo, enquanto contra a Bélgica estávamos um pouco mais expectantes”, defendeu.

O jovem atleta da formação da Luz acredita que frente à Suécia será um jogo difícil e equilibrado. “Perspectivamos uma partida equilibrada, mas se conseguirmos aplicar o nosso plano estou confiante de que vamos sair com uma vitória”, sintetiza, concluindo que a equipa está a chegar chegar bem ao último terço do terreno, mas a pecar na finalização. “Parece-me que é o ponto que precisa de mais melhorias”, conclui.

FOTO: FPF